• A ilha
    Um dia, conversava com alguém recém-separado e percebi que vivia aquele inevitável turbilhão de emoções causado pela brusca e doída mudança em toda a dinâmica da sua vida. Logo depois da conversa, me peguei pensando no quanto precisamos implementar  ajustes quando optamos por uma vida a dois. Então, vamos devagar renunciando aqui e acolá na tentativa de ser um nós [continue lendo...]
  • AMOURAMOUR
    Ontem, enfim, assisti o filme Amour, drama francês dirigido por Michael Haneke e ganhador do prêmio Palma de Ouro 2012. O diretor é conhecido por seu estilo direto e cruel. Eu não precisaria ter lido as críticas para perceber que sobre Haneke, não paira uma gota de sentimentalismo. O filme retrata a vida de um casal na velhice. O longa [continue lendo...]
  • Girassóis na janelaGirassóis na janela
    É engraçado como as coisas sofisticadas não tem a beleza das simples. A sofisticação tem seu brilho, mas jamais vencerá o vento soprando no rosto num fim de tarde deitado na relva. O cheiro de mato, a simplicidade de pés descalços, o café de coador ou o pão assando jamais perderão seu título de nobreza. Deitar na rede e ler um [continue lendo...]
  • Aquarela
    A música Aquarela sempre mexeu muito comigo. É de uma abstração enorme. É atemporal. Na melodia, por uma simples aquarela passa o mundo. Seria tão bom se pudéssemos desenhar a vida como o compositor desenha na aquarela o que ele deseja: um sol amarelo, com cinco ou seis retas faz-se um castelo, faz-se o mundo, de uma América a outra [continue lendo...]
  • Algemas Rompidas
    Em 27/05/2013 Ás vezes acontece assim: por razões diversas e motivos dos mais variados, a gente se pega em umas situações de sofrimento na vida e não larga mais. Algum gatilho interno dispara e a gente estabelece uma relação de apego com aquilo. Pronto! Fica ali. A situação ás vezes até já passou, ou estabilizou-se, não tem mais jeito, mas [continue lendo...]
  • A mala e o desapegoA mala e o desapego
    Ano passado decidi fazer um curso de Direito Comparado na Itália. E após toda organização necessária para minha casa seguir por duas semanas sem mim, chegou o dia de arrumar a mala. Eu odeio fazer as malas. E claro que adio isso o quanto posso. Procrastino até não poder mais. Não sei porque  esse ato passou a mexer tanto comigo. [continue lendo...]
  • Cuidado em ComprimidosCuidado em Comprimidos
    O ser humano nasce frágil e dependente. E suspeito que, embora não pareça, permanece assim até o final. E esta fragilidade humana reclama cuidado. Na infância, os pais por excelência são os provedores dessa necessidade de ser cuidado. Outros podem vir a substituí-los sem problemas, mais importante que o 'quem' é o 'se' esta necessidade é atendida. A infância passa, mas não passa [continue lendo...]
  • Bloqueio de EscritorBloqueio de Escritor
    Semana passada eu não escrevi. Foi a primeira vez que furei a terça-feira aqui no site. Eu não sei se alguém percebeu. Espero que não. Espero que sim. Na verdade, escrever periodicamente sempre foi um anseio. É interessante escrever quando o sentimento invade e a inspiração é involuntária. Mas exercitar a disciplina de sentar e escrever mesmo quando não estamos a ver estrelas [continue lendo...]
  • Revisão de Vida
    O ano está acabando e tenho sentido necessidade de registrar tudo que foi revisto em minha vida nos últimos tempos. Muita coisa já estava fora do lugar, indefinida, flutuando na minha vida há um tempo, sem eu saber ao certo o que fazer. O que ainda parecia estar no lugar saiu com a doença e morte do meu marido, que [continue lendo...]
  • Juntos e misturadosJuntos e misturados
    Se você ainda não viu "Juntos e Misturados", precisa ver! Um filme que, pretendendo ser apenas uma comédia romântica, nem percebe que vai além. Numa estória permeada pelo humor, fala de ausências muito sentidas; com leveza, fala de relações desfeitas e corações despedaçados; na descontração, diz de espaços que podem ser preenchidos novamente. Pretendendo ser superficial, erra: é profundo. Desejando [continue lendo...]